FOTOGRAFIAS

AS FOTOS DOS EVENTOS PODERÃO SER APRECIADAS NO FACEBOOCK DA REVISTA.
FACEBOOK: CULTURAE.CIDADANIA.1

UMA REVISTA SEM FINS LUCRATIVOS

terça-feira, 11 de julho de 2017

Escolas de Governo da rede global da OCDE debatem sobre administração pública

A Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas da FGV (EBAPE) sediou, nos dias 22 e 23 de junho, a 5º Reunião Anual da Rede Global de Escolas de Governo da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE). O evento, organizado em parceria com a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP), contou com a participação de representantes de instituições de diversos países e teve como tema central a discussão do relatório publicado pela OCDE – "Habilidades e Liderança para garantir Serviços Públicos de Alto Desempenho na Era Digital".
A abertura do encontro, presidida pelo professor Bianor Cavalcanti, diretor internacional da FGV (DINT) e presidente da Associação Internacional das Escolas e Institutos de Administração (IASIA, na sigla em inglês), contou com a participação dos professores Flavio Carvalho de Vasconcelos (diretor da EBAPE); Francisco Gaetani (presidente da ENAP); Edwin Lau (chefe da Divisão de Reforma do Setor Público, Governança Pública e Desenvolvimento Territorial da OCDE) e Daniel Gerson, (gerente de Projetos, Emprego e Gestão Pública da OCDE). Os professores da EBAPE, Roberto Pimenta (coordenador do Mestrado Profissional em Administração Pública) e Alketa Peci (editora da Revista de Administração Pública) também marcaram presença.
“A OCDE busca desenvolver modelos conceituais a partir de seus estudos aplicados e levá-los às Escolas de Governo, de modo que essas instituições possam contribuir com seus programas educacionais para a formação de lideranças no setor público”, ressaltou o professor Bianor.
Já o professor Flavio Vasconcelos lembrou a tradição da Fundação Getulio Vargas e a sua significativa contribuição para o desenvolvimento da administração pública brasileira e destacou a importância da EBAPE, primeira escola de administração pública das Américas, para o avanço do ensino e pesquisa no campo da administração.
A programação do evento contemplou sessões com discussões entre os membros do comitê e observadores convidados nas seguintes temáticas: “Habilidades para um serviço público de alto desempenho”; “Transformação digital e futuro do trabalho no setor público”; “Rumo a princípios para a capacidade do serviço público”; “Visão geral do governo”; “Liderança e Serviço Público Superior (SCS)”; “Diversidade e Inclusão: equilíbrio de gênero na administração pública” e “Expectativas para a Rede de Escolas de Governo” com foco na construção de capacidades dos serviços públicos para a melhoria da qualidade da governança pública.
O evento contou com o apoio da Revista de Administração Pública (RAP), do Mestrado Profissional em Administração Pública da FGV EBAPE e da Escola Nacional de Administração Pública (ENAP).