FOTOGRAFIAS

AS FOTOS DOS EVENTOS PODERÃO SER APRECIADAS NO FACEBOOCK DA REVISTA.
FACEBOOK: CULTURAE.CIDADANIA.1

UMA REVISTA SEM FINS LUCRATIVOS

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

3º Congresso Internacional do Centro Celso Furtado



O Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento, em parceria com a Universidade Federal do Amazonas (UFAM), realizou a terceira edição de seu Congresso Internacional. Diferente das outras edições que tiveram como base o Rio de Janeiro, sede do Centro, neste ano ele foi realizado em Manaus.
partir do tema geral "Amazônia Brasileira e Pan-Amazônia: Riqueza, Diversidade e Desenvolvimento Humano" foram realizados nove painéis e três conferências durante os dias 15 e 16 de setembro de 2016, no campus da UFAM. Durante esses dois dias de intensa programação, com um ótimo público presente - ao todo contamos com quase 300 participantes, foi possível aprofundar o debate sobre diversos temas da rica agenda da Amazônia, compreender a região em sua pluralidade de questões e instar por políticas públicas capazes de mobilizar corações e mentes para moldar um processo de desenvolvimento específico e que considere também as especificidades locais.
 
O diretor-presidente do Centro Celso Furtado, Roberto Saturnino Braga, deu as boas-vindas e agradeceu a acolhida e o empenho da organização na realização do Congresso em meio aos desafios que foram colocados no caminho. Saudou Rosa Freire d'Aguiar, membro do Conselho Deliberativo do Centro Celso Furtado; e o representante de Itaipu Binacional, patrocinadora do Congresso, Jorge Habib El Khouri, superintendente de engenharia.
 
Saudou ainda, salientando a importância de suas presenças para a ampliação do debate na cidade e na região, das representações do Governo do Estado do Amazonas, na figura do Secretário de Estado de Desenvolvimento, Ciência e Tencologia, Thomaz Nogueira; e da Prefeitura de Manaus, na figura do Procurador-Geral do Município, Marcos Cavalcanti. Ambos informaram ao público as preocupações dos dois níveis de governo com o desenvolvimento regional e consideraram boa a hora da realização do Congresso em Manaus, em tempo de renovar este debate que é premente para suas administrações.
 
A UFAM esteve presente com sua representação máxima, a magnífica reitora profª. Marcia Perales Silva, que além de declarar a abertura oficial do Congresso também agradeceu ao Centro Celso Furtado e revelou a importância de manter aberto o diálogo entre a academia, o poder público e o setor privado. Também estavam presentes os professores Sylvio Puga, diretor da Faculdade de Estudos Sociais, e Mauro Thury de Vieira Sá, professor de economia da UFAM e coordenador local do Congresso.
 
Logo após a cerimônia, a Embaixadora Maria Jacqueline Mendoza Ortega, Secretária-Geral da OTCA, realizou a Conferência Magna de Abertura, com o tema "La Panamazonía y la Cooperación para el Desarrollo", dando um amplo panorama do trabalho da OTCA, do escopo de projetos em vigor na região, além das características institcuionais da cooperação dara o desenvolvimento entre os países da Pan-Amazônia.
 
Embaixadora Maria Jacqueline Mendoza Ortega e Rosa Freire d'Aguiar
 
Recebemos, em seguida, uma mensagem do Secretário-Geral da Unasul, Ernesto Samper, que estava programado para a abertura e não pôde comparecer. No vídeo gravado em seu gabinete, em Quito, o ex-presidente da Colombia também nos brindou com explicações da importância do debate para a região e para a integração.
 
No dia 15 de setembro tivemos ainda a realização dos três primeiros painéis e de uma homenagem ao poeta Thiago de Mello. No dia 16 de setembro realizamos os outros 6 painéis, além de duas conferências magnas, pela manhã com o General de Exército Geraldo Antonio Miotto, Comandante Militar da Amazônia, e, pela noite, o encerramento com o Embaixador Samuel Pinheiro Guimarães Neto, que dentre outras atividades é presidente do Conselho Deliberativo do Centro Celso Furtado.
 
Houve, nos dois dias, uma inesperada falta de luz. Isso, contudo, não desanimou os palestrantes e conferencistas, que cotinuaram a programação normalmente. Todas as mesas foram gravadas e os vídeos começaram a ser colocados hoje no nosso Canal do YouTube (www.youtube.com/CentroCelsoFurtado1).